MILHO: INDICADOR ATRAVESSA ABRIL EM QUEDA DIÁRIA CONSECUTIVA

Os preços do milho seguem em queda em praticamente todas as regiões acompanhadas pelo Cepea, voltando a operar nos patamares nominais observados em 2020 – em Campinas (SP), o Indicador ESALQ/BM&FBovespa registrou queda diária consecutiva em todo mês de abril. Segundo pesquisadores do Cepea, esse cenário é resultado do aumento da disponibilidade doméstica do cereal e/ou da flexibilidade nos preços de venda e nos prazos de pagamento e de entregas por parte de produtores. Além disso, compradores estão afastados das aquisições, à espera de novas desvalorizações do cereal, fundamentados na possível colheita recorde na segunda safra deste ano – atualmente, a produção é estimada pela Conab em 95,32 milhões de toneladas, 11% a mais que em 2022. Fonte: Cepea (www.cepea.esalq.usp.br)

<< Voltar
  • Compartilhe: